Adele é acusada de plágio por compositor brasileiro: ‘Só quero ser reconhecido’

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Toninho Geraes entrou na justiça contra cantora britânica.
TONINHO GERAES ENTROU NA JUSTIÇA CONTRA CANTORA BRITÂNICA.

O que a música popular brasileira e Adele tem em comum? Para o compositor Toninho Geraes, tudo. Isso porque o artista, que escreveu o sucesso “Mulheres“, eternizado na voz de Martinho da Vila, acionou a cantora na Justiça por plágio. Segundo ele, a música “Million Years Ago” é um plágio de sua música.

Em entrevista ao Fantástico, da Rede Globo, Toninho confirmou que está processando a artista e que busca o reconhecimento.

“Eu não quero brigar, só quero que reconheçam que a minha música está dentro da obra dela”, diz Toninho.

A música de Adele foi gravada em 2015 e integra o álbum “25“. Segundo o advogado de Toninho, a gravadora Sony, que representa a artista no Brasil, já foi notificada.

Segundo a reportagem, entre os quatro notificados, a única a se pronunciar foi a gravadora Sony do Brasil, que afirmou que o assunto está nas mãos da XL Recordings e da própria cantora. Além das gravadoras e de Adele, o produtor Greg Kurstin, que assina a autoria da música junto com a cantora, também foi notificado. 

Ouça “Million Years Ago”:

Daniel Outlander

Daniel Outlander

Tenho 28 anos, sou jornalista e publicitário e Jovemnático! Amo música, cultura em geral, e assino a edição dos textos no site do Prêmio Jovem Brasileiro.

deixe seu comentário!

CADASTRE-SE ABAIXO

    Skip to content ...